quinta-feira, 12 de março de 2015

Alerta de uma leitora: Não se acomodem jamais, façam os exames preventivos!

Queridos leitores,

Tenho andado sumida ultimamente, mas fiquem tranquilos, pois estou muito bem, graças a Deus.
Apenas estou tentando seguir a minha vida, de uma forma "quase" normal".
Não deixo de ler e responder às mensagens que recebo e, muitas delas, como a que transcrevo abaixo, deixam-me muito em paz e mais tranquila, pois sei que, assim como essa leitora, muita gente tem se engajado na divulgação de informações e alertas sobre câncer de ovário.
Hoje, eu compreendo que, se eu não tivesse passado pelo câncer, eu jamais teria tido a oportunidade de alertar as pessoas quanto aos cânceres ginecológicos. Acho que por causa do meu jeito briguento e altruísta, fui "a escolhida" para poder passar essas mensagens a vocês.
Já aproveito para responder por aqui aos questionamentos da leitora.
Afinal, "O Câncer de Ovário é Silencioso, mas Nós Não"

Beijos a todos.

Nan
--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nanci, 
Acho que passei o último mês lendo seu blog de cabo a rabo. Minha mãe passou por uma cirurgia na semana passada para operar uma massa sólida suspeita no ovário direito e infelizmente o diagnóstico foi de câncer de ovário. Ainda não temos o resultado da biópsia nem o estadiamento, mas era um cistoadenocarcinoma. Eu ainda quero fazer um comentário melhor sobre tudo isso... Principalmente o medo que surgiu nas nossas cabeças por conta dos péssimos prognosticos que divulgam em relação à mortalidade (o que me apavora muito mais que a recidiva, apesar desta também não soar obviamente nada legal). Ainda moro com meus pais e minha mãe é minha melhor amiga, passei esses dias no hospital sem dormir, ao lado dela, pensando o que seria de nós a partir de agora. Larguei a faculdade de Direito ano passado, no meio do curso, para seguir meu sonho... Medicina! Ai aconteceu isso é estamos todos sensibilizados. 
Mas no momento queria dizer tres coisas, ou melhor, perguntar uma coisa e dizer outras duas: 
1) muito obrigada pelo seu blog. Ter assumido essa causa realmente tem alertado muitas pessoas e essas pessoas, por consequência, acabam alertando muitas outras. Perdi a conta do quanto falei com amigas sobre isso, e agora aumentei ainda mais, ne? 
2) Voce tem me inspirado muito a motivar minha mãe dentro de toda esta situação. Você tem sido um exemplo de quem passou por isso, está viva, saudável, bem e lutando, aproveitando cada minuto da vida. O médico nos alertou que o estágio talvez seja o III, apesar de ainda precisarmos da biópsia, e tenho a fortalecido muito com isso, e fortalecido a fé dela também. Minha mãe sempre foi muito espiritualizada e tenho feito tudo o que posso para manter isso no mais alto grau. 
3) você disse em uma entrevista que mudou sua alimentação, mas não exatamente procurou por ajuda especializada. Você pode me dizer como você mudou, mais ou menos? Acredito que a luta e, principalmente, a vitória contra o câncer inclui mente e corpo sãos, e que a alimentação auxilia a manter o corpo forte para a quimioterapia e para depois. Introduzi muito morango, tomate, uva e verduras no prato da minha mãe (não que ela não comesse, mas estou mais no pé dela), mas queria saber como você fez. 

R- Quando adoeci, procurei ler tudo que encontrei sobre alimentos que ajudassem a potencializar o efeito da quimioterapia. Inseri em minha alimentação as frutas vermelhas, amêndoas, damascos sêcos e alimentos ricos em enxofre. Vejam abaixo esse artigo:
"A apigenina, substância que pode ser encontrada em frutas e legumes, acaba de ganhar função reconhecida no complemento à quimioterapia, segundo estudo desenvolvido pela Universidade da Califórnia, em Riverside (EUA). Isso porque o composto potencializa a ação da proteína p53, que desempenha importante papel na resposta celular, reforçando a ação do tratamento medicamentoso do câncer.  A apigenina pode ser encontrada na maçã, uva, cereja, alcachofra, manjericão, aipo e nozes, entre outros alimentos (www.abcancer.com.br). Experimente o suco funcional rico em apigenina: 2 maçãs fuji, 2 uvas rubi ou moscatel, 3 cerejas e 3 nozes. Bata tudo no liquidificador e beba a seguir."

E que as palavras dessa querida leitora, sirvam de alerta:

"E espero que com este comentário outras pessoas possam aumentar os exames preventivos, ainda que não sejam tão bons para rastrear quanto à mamografia ou papanicolau para outros cânceres: minha mãe teve filho, usou anticoncepcional por dez anos, amamentou... Tudo o que em teoria eram fatores protetores, mas aconteceu mesmo assim. Não se acomodem, jamais." 




16 comentários:

  1. Querida Nanci,

    Fiquei surpresa quando vi meu comentário postado! Hahaha não esperava por isso e sua atitude aqueceu meu coração. Sua atitude para com os leitores é linda, e sua dedicação em informá-los e buscar por novas táticas, disponibilizando-as também é sensacional.
    Fiquei feliz com essa resposta. Eu não conhecia o suco, mas introduzi muitas frutas vermelhas no cardápio desde a ultrassonografia que deu o tumor sólido-cistico. Rezava a noite, todos os dias, com ela, fazíamos o Evangelho, e de manhã lá estava eu fazendo sucos de acerola, sucos de morango, dando morango para ela comer, trocando a carne pelo peixe, comprando uva, acompanhando meu pai e pegando tudo que fosse orgânico. Temos um livro de medicina alternativa aqui em casa e lá diz que mamão em jejum por três dias da semana (no café da manhã, por exemplo) comendo junto com algumas sementes também auxilia muito.
    Além disso, tudo o que achei de nutrição que diz "previne câncer" coloquei em uma listinha e falei para meu pai: "pega!". Tenho me tornado quase que uma combatente da vida saudável e principalment do câncer. Falam que as chances de recidiva são altas, mas vou viver com a certeza é a confiança de que cuidando e confiando em Deus, tudo é impossível, inclusive dessa porcaria nunca mais voltar! Vou introduzir o suco também, graças a Deus temos todos os ingredientes aqui já.
    Minha nutricionista passou uma dica também, no início do ano, da castanha do Pará. Duas por dia, na forma de lanchinho da tarde, faz maravilhas no corpo, e por ser rico em selênio, auxilia muito como fator preventivo ao câncer.
    Temos um caso, uma amiga da minha mãe, que começou com câncer do colo do útero. Ela tinha seus cinquenta e poucos anos, na época, já. Ela fez a quimioterapia, tudo bonitinho, e uns anos mais tarde teve recidiva, com metástases no pulmão, ossos e cérebro. Os médicos a tinham desenganado, inclusive, mas ela nunca perdeu a fé. Rezava todo dia, auxiliava o grupo de mulheres da igreja que frequentava, auxiliava o marido que era pastor, comia tudo que tinha de saudável (o maior problema era se alimentar bem para controlar a anemia que a químio lhe causava) e mesmo desenganada e com poucos meses restantes, veio a grande surpresa: remissão espontânea. Isso já faz quase dezesseis anos. Dezesseis anos sem sinal de câncer, acredita? Acho mesmo que tudo tem sua hora e seu propósito, e tudo vem por algum motivo e para nós ensinar... E ensinar aos outros, não é verdade?

    ResponderExcluir
  2. Acredito ainda que minha mãe vai ajudar muita gente ao contar a história de vida dela. Por conta da crise, perdemos o convênio ano passado (o único ano que ela não fez os exames de rotina, acredita?), e quando ela passou mal no início do ano, fomos pelo SUS, desesperados por conta de tudo o que falavam. Isso era no final de janeiro.
    Fomos transferidos ao Pérola Byington, em São Paulo, e tudo correu MUITO rápido! Marcadores tumorais, TC com contraste, outro ultrassom, encontros com a equipe clínica e a cirurgia tudo em menos de um mês, e pelo SUS? Várias enfermeiras e mesmo pacientes que internaram com a minha mãe ficaram surpresos com a rapidez que tudo correu. Uma das "colegas de quarto" dela após a cirurgia tinha feito o mesmo procedimento e tinha demorado um ano para conseguir.
    O médico também foi muito abençoado. O procedimento, que deveria ser apenas a retirada do ovário e do útero, acabou se provando algo maior porque ele tinha achado "algumas coisinhas" em outros lugares. Pelo que conversei com uma das residentes (eu sou uma coisinha que não para quieta, admito), a cirurgia foi maior do que esperado e tanto ela quanto o medico (que conversou com a minha mãe depois da cirurgia) informaram que a cirurgia correu "maravilhosamente bem", que ele tinha "conseguido limpar tudo". Dentro de toda a situação, já considero isso como uma pequena Vitória dentro de uma longa jornada que temos.
    Deus tem ajudado muito, tem sido muito bom, e isso é o que mais me faz confiar nele. Confio nele e na minha mãe, que ainda vai viver muito e ainda vai me ver com o canudo de formatura, casamento, netos, etc

    ResponderExcluir
  3. Já falei demais né? Kkkk peço desculpas. Sei que tudo isso me pegou de surpresa (ainda mais porque tudo que era tido como fator de proteção ela tinha, e me questionei várias vezes onde é que a gente tinha errado para acontecer isso) e acabou mudando muito o jeito que todo mundo aqui vê as coisasSei também que, dentro da medicina, quero participar de pesquisas - ou para ajudar a desenvolver métodos de detecção precoces, ou mesmo para achar medicamentos mais efetivos e menos danosos ao organismo em contraposição aos quimioterápicos. Achar "a cura para o câncer" ainda acredito ser uma realidade distante pela variedade de células cancerígenas que temos (só o ovário possui mais de quinze tipos de tumores malignos conhecidos, sem contar os benignos, de acordo com estudos) e talvez ainda estejamos usando alguma abordagem diferente da que seria necessária, mas acredito que temos todo o arsenal possível para melhorar, criar e aprimorar modos de aumentar a qualidade de vida e tornar o tratamento com menos efeitos colaterais causados pelos taxanos.

    Comecei minha busca pessoal querendo ser ortopedista e agora vejo que talvez meu caminho esteja na oncologia. Tem gente demais precisando de ajuda, vi e vivi isso, e quero fazer alguma coisa. Quero ajudar.

    Deus te abençoe, Nanci. Obrigada por tudo.
    Tamara.

    ResponderExcluir
  4. Aliás, tudo é POSSÍVEL.
    O corretor do tablet às vezes me da cada puxão de tapete que pqp. Hahahaha
    Grande beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Tamara,

      Tudo que escreveu prova que somos mesmo escolhidas. Tenha certeza que a sua decisão em mudar de especialidade não será em vão, como também, não foi ao acaso. Não tenho dúvida alguma de que vc contribuirá, e muito, na área oncológica, assim como, sua mãe conseguirá superar essa pedrinha no caminha...
      Quer Deus abençoe vocês, muita força e fiquem em paz.
      Grande Beijo.

      Nan

      Excluir
  5. Nanci, descobri seu blog recentemente procurando sobre o Cancer de Ovário e foi e tem sido de grande esclarecimento, porque minha filha há quase tres meses vem sentindo umas dores do lado esquerdo bem ali onde ficam os ovários, oposto a apendice, e nao passa com analgésico, anti-inflamatório...mas ela está bem clinicamente, leva sua rotina normal, e os exames todos normais. Agora ela fez TC sem contrastes e o médico ainda não viu, mas deram algumas coisinhas q não temos certeza do que eh,e uma médica amiga achou melhor repetir a ultra de pélvis e intravaginal que quando foi feita numa emergência nada apresentou. O meu diagnostico era diverticulite que o médico também apostou, e segundo, eu achei que pode ser câncer porque minha mãe morreu com essa doença, porém estava muito avançado e nem ficamos sabendo onde se originou, mas eu sempre fico alerta porque minha avó também faleceu dessa mesma doença no intestino.
    Nas suas experiências Nanci e Tamara, qual é o exame que detecta o Câncer de Ovário, pois o ginecologista que fomos só soube dizer que é muito difícil o diagnostico e pediu exame de urina e fez o Papanicolau, minha filha tem 27anos e ficou menstruada cedo, aos 9anos e meio. Será que uma ultra é capaz de detectar ela fez e nada viram? Não quisemos fazer o TC com contraste porque as pessoas que nos atenderam eram muito sem noção, eram dois rapazes que nem me pareciam profissionais pois que nem explicou pra minha filha como seria o exame e apenas disse: RESPIRA FUNDO E SEGURA no que ela entendeu que era pra segurar na máquina pra não cair,kkkkkk, aí ele veio o tecnico auxiliar e disse pra mim q perguntei o que se passava e ele disse "ELA NÃO ESTÁ PARANDO DE RESPIRAR",imagina meu susto,kkkk e depois ele veio com a ideia de fazer contraste na VEIA, no que minha filha se assustou e não quis e nem eu deixaria porque o médico ou sei lá não vinha me dizer porque precisava de contraste na veia...e de tanto insistir vem um garoto de uns vinte e poucos anos e sem muito argumento porque ele queria fazer o contraste e não fizemos e não nos arrependemos porque se precisar faremos numa unidade hospitalar, ate porque não sabemos que reação ela terá porque nunca fez nenhum procedimento nem em dente,nada e nada se sabe das reações que poderão vir. E pra completar, fui pegar o exame dela, o TC,não quiseram me entregar sómente a ela,e quando ela foi buscar, entregaram o exame de um homem e ela ficou espantada achando que por dentro ela tinha orgãos masculinos,kkkkk, gente é cômico....era o exame de outra pessoa. Isso aconteceu em pleno Rio de Janeiro. Agora aguardamos o parecer do médico e repetiremos alguns exames como sugestão da médica amigga dela.
    A pergunta que fica, será que só mesmo uma biopsia do ovário é capaz da certeza de que está livre dessa doença?
    Tudo que tenho lido,parece que nada é esclarecedor quando a doença está no começo.
    E a dor no lado esquerdo ou no lado do ovário é um sintoma? eu me apego na máxima que câncer não dói,mas isso não é, penso eu,100% correto, já soube de uma jovem que sentiu dor por um ano e descobriu câncer no osso, exatamente na pelvis esquerda e outra pessoa que tem dor dessa natureza por anos,e eh uma hernia...até agora o diagnóstico.
    Parabéns por divulgar sua experiência Nanci, ter esse espaço,sou muito grata a você, me tranquilizo vindo aqui,e voltarei sempre e peço muito pela sua Saúde, você já eh uma vencedora!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Wilma,
      Obrigada por sua mensagem.
      Em resposta à sua pergunta, infelizmente, não existe, até hoje, um exame eficaz para detecção de câncer de ovário, assim como o papanicolau e a mamografia.
      Na dúvida sobre o diagnóstico, o médico poderá solicitar o marcador tumoral ca125, associado com uma tomografia. O marcador tumoral é um simples exame de sangue e pode salvar vidas.
      Boa sorte para vocês, beijo.
      Nan

      Excluir
  6. Obrigada Nanci por sua resposta,eu comentei isso com o ginecologista e ele disse que é mais apropriado para acompanhar a doença que muitas vezes dá falsopositivo, acho que é isso, mas creio eu que é mais um complemento...

    ResponderExcluir
  7. Seguindo teu Blog! Um abraço!
    www.luceliamuniz.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Lucélia,
      Muito obrigada...Se puder divulgá-lo eu te agradeço.
      Beijos
      Nanci

      Excluir
  8. Querida Nanci,

    É com muita alegria que retorno hoje para lhe dizer que saíram os resultados da biópsia da minha mãe. Útero, tubas uterinas, omento e linfonodos estavam LIMPOS, sem sinal de celulas neoplasicas.
    Todos, incluindo o cirurgião, receberam hoje a surpresa e o presente de Deus sobre o câncer da minha mãe: estágio inicial. O estadiamento ao final da biópsia estava marcado em Ib, celulas bem diferenciadas (grau I). A oncologista comemorou e disse que minha mãe ainda vai passar com a equipe de quimio para confirmar se ela vai precisar ou não de quimioterapia, mas que dentro da sua experiência, ela acredita que minha mãe provavelmente não vai precisar.

    Acredito que desde o início minha mãe foi muito amparada, e isso começando desde os cuidados dos médicos até as pessoas incríveis que me ajudaram com informações e palavras, e isso inclui seu blog. Tivemos a sorte do corpo dela ter sido tão expressivo, já manifestando sinais, inchando o abdômen, níveis dos marcadores altíssimos... Enfim, tinha tudo para ser avançado. Só posso ver mão divina nisso.

    Muito obrigada por esse blog, por todo seu trabalho e por todas as suas palavras. Muito, muito obrigada mesmo. Não tenho palavras para descrever tudo o que tenho sentido, então só tenho chorado igual a um bebê. Muito obrigada.
    Um grande beijo, e que Jesus continue iluminando você enormemente. Você faz um trabalho enorme aqui, acredite.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Tamara,
      Que notícia maravilhosa...Graças a Deus foi descoberto em estágio inicial...Vc é uma filha incrível e sua mãe tem muita sorte de tê-la ao seu lado...Não tem o que me agradecer, de forma alguma...Agradeça somente a Deus.
      Muitos beijos!
      Nanci

      Excluir
    2. Oiii se eu fizeer o papanicolau anualmente saberia se tinha um cancer no ovario ,emdometrio ou utero??

      Excluir
  9. Oi quando eu faço o anualmente o preventivo,eu fico sabendo se tenho cancer no ovario,endometrio e utero apenas com esse exame??? Pq ate agora eu so fiz esse exame.tenho 21 anos e sinto dor no lado esuqedo e direito.no pe da barriga .. tenho medo. Me responda por favor ah e eu tenhobum corrimento branco tipo leite que azeda com aqueles pedacinhos que desmancham na mao me diga oque é isso???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida leitora,
      O exame papanicolau não detecta câncer de ovário, somente de útero.
      Procure o seu ginecologista para verificar esse corrimento, que pode se tratar de candidíase vaginal.
      Boa sorte.
      Nanci

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

OBRIGADA PELO SEU COMENTÁRIO, MUITO BOM TER VOCÊ POR AQUI! AJUDE-NOS NA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO DE COMBATE AO CA DE OVÁRIO, DIVULGANDO E COMPARTILHANDO AS NOSSAS POSTAGENS!

A.C.Camargo Cancer Center e Institut Curie firmam acordo de colaboração para pesquisa do câncer e os primeiros alvos são os sarcomas e radioterapia

Acordo de colaboração científica entre o A.C.Camargo Cancer Center e um dos principais centros europeus de pesquisa do câncer, o Institut ...