terça-feira, 5 de agosto de 2014

Medo da Recidiva!


Quando o câncer retorna, após ter sido tratado, dizemos que houve uma recidiva. Pode acontecer no mesmo lugar em que o câncer começou ou pode manifestar-se em diferentes partes do corpo. O medo da recidiva afeta de forma diferente a cada indivíduo: para alguns, essa é uma preocupação constante, para outros ela só se apresenta na ocasião dos exames de controle e existem aqueles que nunca se preocupam.
É perfeitamente natural que você tenha medo de uma recidiva. Afinal, ninguém que ter câncer por mais de uma vez e esse pensamento pode ocorrer-lhe na ocasião dos controles e seguimentos médicos.

No entanto, se o medo o persegue sempre, invadindo o seu dia a dia e tornando-o ansioso é preciso cuidar desse medo, quer por meios próprios, quer com a ajuda de um terapeuta especializado.

Normalmente, pessoas que se submeteram a tratamentos mais difíceis e dolorosos apresentam maior medo da recidiva. Mas esses temores podem atingir a todos, independentemente da idade ou do tipo de tratamento.

Alguns sintomas indicam que você tem medo de recidiva.

• Você pensa que seu câncer voltou quando tem alguma dor, tosse ou qualquer desconforto.
• Você fica atento a qualquer pequeno sintoma em seu corpo, diferentemente do que acontecia antes de ter tido câncer
• Você não faz projetos de vida futura, pelo medo de que o câncer os interrompa.

Não se esqueça de que as pessoas que tiveram câncer continuam sujeitas às doenças comuns, que todo mundo tem.

Muitos oncologistas sugerem a seguinte regra: dores ou sintomas que desaparecem em menos de duas semanas não são motivos de preocupação.

Aqui vão algumas idéias que podem ajudá-lo:

• Converse com um médico sobre o seu medo de recorrência e ouça as estimativas e opiniões dele a respeito.
• Converse com seus amigos e familiares, para verificar se eles têm os mesmos temores.
• Discuta com outros pacientes os seus medos.

Um terapeuta especializado pode ajudá-lo. Veja quando seria interessante procurá-lo.

• Você pensa constantemente sobre recidiva
• Seu último pensamento antes de adormecer e o primeiro ao acordar são sobre a possibilidade de o câncer.
• Você passa várias semanas sem dormir direito..
• Você, por muitos dias, não sente qualquer sinal de fome.
• Você se afasta de seus amigos e das rotinas normais.
• Você não consegue se concentrar em seu trabalho ou estudos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADA PELO SEU COMENTÁRIO, MUITO BOM TER VOCÊ POR AQUI! AJUDE-NOS NA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO DE COMBATE AO CA DE OVÁRIO, DIVULGANDO E COMPARTILHANDO AS NOSSAS POSTAGENS!

CÂNCER DE OVÁRIO - NOSSA VOZ GANHANDO FORÇAS

Há 5 anos atrás muito pouco se ouvia falar sobre câncer de ovário! Muitas mulheres diagnosticadas com ca de ovário  sofriam caladas e isol...